Cantor Ronaldo foi enquadrado no crime de embriaguez ao volante

0

Ronaldo, da dupla com Humberto, foi preso na madrugada da última terça-feira (5), após bater com o carro no muro de um condomínio em Goiânia.


Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil de Goiás, o cantor demonstrava sinais de embriaguez ao volante: “Ele bateu em um muro durante a madrugada, a polícia observou a situação e percebeu o que estava acontecendo”.
Ainda segundo a Polícia, após o acidente, o sertanejo se recusou a fazer o teste do bafômetro, o que complicou ainda mais sua situação. “Ele se recusou a fazer o teste do bafômetro. Então, o delegado requisitou que o Instituto Médico Legal fizesse um exame clínico para atestar a embriaguez”, complementou a assessoria.
O cantor foi inserido no Artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro, pelo crime de embriaguez ao volante, e também no Artigo 309, por não possuir Carteira de Habilitação. Ele pagou fiança no valor de R$ 3mil, e foi liberado para responder em liberdade, segundo o delegado.

Deixe uma resposta