Chimbinha envia comunicado e afirma que medida o impede de ver filho

0 111

Depois de Joelma afirmar que Chimbinha poderá ver o filho, Yago, de 19 anos, o guitarrista da banda Calypso enviou um comunicado à imprensa nesta quarta-feira para contar que, apesar disso, a cantora ainda não retirou a medida protetiva que o impede de se aproximar do jovem.

No comunicado enviado pela assessoria de imprensa do músico, ele afirma que tem que medida restritiva em relação a Joelma Mendes e seus filhos Yago da Silva Mendes Matos e Natália Mendes Sarrafi determinada desde o dia 11 de setembro de 2015 pela juíza Caroline Slongo Assad, que responde pela 4ª Vara Criminal da Comarca de Ananindeua (Região Metropolitana de Belém).

Na medida (que consta no processo 0040751-25.2015.8140301) a juíza determinou que ele fique longe 100 metros dos três. Até o momento, a defesa do guitarrista não conseguiu anular judicialmente este item da medida protetiva, como pode comprovar a Assessoria de Comunicação do Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJE).

Na final da noite de ontem (14), a advogada de Joelma – depois das declarações de Chimbinha à impresa sobre a medida protetiva que impedia de ver o filho – entrou em contato com o advogado de Chimbinha e oficializou por escrito que o músico poderia ver Yago.

No entanto, esta declaração, em hipótese alguma, se sobrepõe em nenhum momento à decisão da juíza. Até o momento a defesa de Joelma, que havia se comprometido em retirar o nome de Yago das medidas, tomou as medidas oficiais para isso acontecesse.

A defesa do guitarrista já solicitou ao TJE uma certidão, com data de hoje, de que o o músico continua sob medida restritiva para resguardá-lo.

O músico lamenta profundamente que o nome e a imagem de seus filhos, pessoas que mais ama e deseja proteger no mundo, estejam sendo envolvidos nesta situação.

Chimbinha também

Deixe uma resposta