Documentário Cristiano Araújo

0

Neste sábado completa dois anos do acidente fatal que tirou a vida do cantor Cristiano Araújo e da sua namorada Alana Moraes.

Um acidente automobilístico interrompeu a trajetória de Cristiano Araújo, aos 29 anos. Ele retornava para Goiânia de um show realizado em Itumbiara, no Sul de Goiás, junto com a namorada, a estudante Allana Moraes, 19, quando a Range Rover em que estavam capotou, na madrugada do dia 24 de junho de 2015.

Mesmo morto há dois anos, Cristiano Araújo segue um dos cantores mais tocados nas rádios brasileiras.

Desde 2011, Cristiano Araújo lançou três álbuns ao vivo e um de estúdio.

O CD e o DVD “Efeitos” o consagrou com a música que dá título ao trabalho. Em 2012, veio o “Ao vivo em Goiânia”. No ano seguinte, lançou seu primeiro álbum em estúdio: “Continua”. Já em 2014, gravou o terceiro álbum ao vivo “In the Cities – Ao vivo em Cuiabá”.

É do álbum em estúdio a música mais executada de Cristiano depois de sua morte: “Maus Bocados”, lançada em 2013, é a 210º mais tocada no Brasil.

Já as canções “É com ela que eu estou” e “Cê que sabe”, do último trabalho, estão em 219º e 225º lugar, respectivamente. Ao todo, 16 músicas do artista estão entre as 2.000 canções mais executadas nas rádios.

Deixe uma resposta