Fãs se revoltam contra Gusttavo Lima após apoio a Bolsonaro e cantor perde milhares de seguidores

Gusttavo Lima não agradou todo mundo com seu apoio a Jair Bolsonaro e já começa a ver os efeitos negativos perante o público

Polêmicas e mais polêmicas movimentam a música sertaneja nesta semana após alguns dos maiores artistas sertanejos do país declararem apoio a Bolsonaro. Entre os artistas que estiveram em um encontro com o atual Presidente da República na última segunda-feira (17), Gusttavo Lima e Leonardo se destacaram, cada um por seus motivos.

Enquanto Leonardo virou alvo de críticas do seu próprio filho, que detonou o cantor sertanejo na internet e foi repreendido por Poliana Rocha, Gusttavo Lima chamou atenção ao dizer que “seria o primeiro a cobrar de Bolsonaro”, se colocando ainda na posição de voz do povo.

Embora o apoio dos sertanejos seja algo previsível até então, muita gente se chateou com a atitude dos astros, que já começa a surtir efeitos negativos nas suas redes sociais. Nas publicações, podemos ver vários comentários negativos, ofensas e até xingamentos partindo de internautas por causa da sua opinião política.

E, obviamente, aqueles que não se identificam tomaram atitudes mais drásticas. Gusttavo Lima, por exemplo, está sofrendo com a rejeição de parte do seu público. O cantor sertanejo já perdeu mais de 200 mil seguidores no Instagram desde a última segunda-feira e o número ainda oscila negativamente, podendo fazer ele cair para a casa dos 43 milhões de fãs na rede social.

Atualmente Gusttavo Lima é o cantor sertanejo mais seguido do Instagram, mas será que após tais polêmicas sua reputação pode estar manchada com os fãs?

PATROCINADO

Leia também:

Cantor sertanejo prometeu cobrar Bolsonaro

(Foto: Reprodução/Instagram Oficial)
(Foto: Reprodução/Instagram Oficial)

A política bolsonarista tem estado em alta nas últimas semanas. Bolsonaro tem ganhado grande adesão dos sertanejos, que passaram tempos se escondendo por medo do cancelamento e derrota nas eleições. Entre os apoiadores se destacam Gusttavo Lima, Leonardo, Henrique e Juliano, Eduardo Costa, Zezé Di Camargo, Bruno e Marrone, Sérgio Reis, Amado Batista e muitos outros.

O apoio da maioria destes citados foi declarado oficialmente em uma reunião nesta segunda-feira (17), que tem gerado muita polêmica na internet, principalmente por causa do filho de Leonardo ter detonado o cantor sertanejo pela presença no evento.

Um dos pontos mais comentados da reunião foi uma live realizada por Bolsonaro, algumas pessoas de sua equipe e uma lista de sertanejos famosos: Gusttavo Lima, Leonardo, Fernando Zor, Chitãozinho e Zezé Di Camargo. Na transmissão, cada um falou um pouco dos seus motivos para votar no político e fez apelo para os fãs seguirem seus pensamentos.

Gusttavo Lima foi incisivo ao “colocar o seu na reta” e se responsabilizar pelo voto de todo o seu público em Jair Bolsonaro: “De uma forma ou de outra, vocês (fãs) tem alguma proximidade comigo, pensam da mesma forma que eu, então peço encarecidamente (o voto). Agora não é hora da gente escolher quem vai vencer e quem vai perder, a gente só tem um lado”, começou o cantor sertanejo.

“Então eu peço a cada um de vocês… por mim… porque depois isso que eu estou pedindo aqui para vocês, eu vou ser o primeiro a cobrar do Presidente, porque aqui vocês vão ter um representante de vocês. O dia que der alguma merd*, vocês podem me cobrar que eu vou cobrar o Presidente. Eu só peço encarecidamente a cada um de vocês que apoie o nosso presidente Jair Messias Bolsonaro para que o nosso país, lá na frente, seja outro. 22!”, disse Gusttavo Lima.