Morre cantor de uma das maiores duplas sertanejas do Brasil

0

O mundo da música sertanejo está de luto nesta quinta-feira (16). Morreu um dos integrantes de uma das duplas sertanejas de maior sucesso do Brasil, o sertanejo Léu.

Faleceu o cantor e violeiro Léu, que fazia dupla há mais de 60 anos com seu parceiro Liu. A dupla, que nasceu na cidade de Itajobi, interior de São Paulo, era um verdadeiro orgulho da música caipira brasileira. Eles eram irmãos de Zico e Zeca e primos de Vieira e Vieirinha. A dupla permaneceu unida até 2012 quando Liu morreu.

VEJA TAMBÉM: Breno e Caio César são roubados e pedem ajuda aos fãs

Porém, mesmo com a morte do irmão, Léo formou uma dupla ao lado de seu outro irmão Lourenço e do violeiro Joãozinho. Eles fizeram shows por todo o país sempre recheados dos maiores clássicos da música caipira brasileira.

O cantor estava com 82 anos de idade e perdeu a vida em casa, só que até o momento a causa da morte não foram divulgadas. O velório vai acontecer a partir das 21h no Cemitério Chora Menino, localizado no bairro Imirim, em São Paulo. Às 9h da manhã seguirá para a Vila Alpina, local onde o corpo será cremado.

VEJA TAMBÉM: Zilu, ex-mulher de Zezé Di Camargo revela que pensou em suicído

Carreira de sucesso

Léu, que na verdade se chama Walter Paulino Costa, começou a carreira com seu irmão Liu em Itajobi. Eles são donos de vários hinos sertanejos como: O Ipê e o Prisioneiro, Boiadeiro Errante, Rei do Café, Caminheiro e A Sementinha.

VEJA TAMBÉM: Ouça os maiores sucessos da música sertaneja no Spotify

A dupla que gravou 32 LPs e 17 CDs foram indicados em 2002 ao Grammy Latino na categoria de Melhor Álbum de Música Regional, com o disco Jeitão de Caboclo. Como pôde ser notado, Liu e Léo foram uma das duplas sertanejas que mais representou o gênero musical mundo afora.

Deixe uma resposta