Rionegro e Solimões lançam o EP com músicas inéditas

0

Rionegro e Solimões lançou esta semana o seu mais recente EP, Rionegro e Solimões 2019”

Contendo quatro faixas inéditas, o novo álbum da dupla Rionegro e Solimões já podem ser ouvidas em todas as plataformas streaming.

VEJA TAMBÉM: Paula Fernandes e Luan Santana lançam versão de “Shallow”

A faixa que abre esse novo projeto é “Coração Bloqueado”. Um modão romântico e apaixonado no estilo country, bem característico da dupla. Boa pedida pra ouvir no carro, percorrendo as estradas do Brasil.

Composta por Rodrigo Reis, Willian Santos e Rionegro, a faixa tem um refrão extremamente poético: “Alguém fala pra ela falar comigo, coração bloqueado é o pior castigo. Sem ela essa casa não tem condição. É só lata e garrafa espalhada no meio do chão”, diz a letra. “Essa é aquela moda pro caboclo ouvir na sofrência. Pra lembrar daquele grande amor. Música gostosa de ouvir e boa de cantar”, detalha Solimões.

“Agora É Tarde Pra Chorar” é uma espécie de sertanejo misturado com bailão, com muitos arranjos de guitarras e sanfonas. Uma música bem animada que conta a história de uma pessoa que conseguiu finalmente se libertar de um relacionamento mal sucedido. “Agora é tarde pra chorar, o amor é uma viagem só de ida, não tem como retornar”, diz uma das frases da animada música. “Essa é pra levantar o poeirão do chão. Música boa pra dançar”, analisa Rionegro. Composta por Rionegro, a faixa tem grande potencial de hit.

A dupla também apresenta a faixa “Mas Eu Sei Que Você Sabe”, composta por Rionegro e Toninho Mesquita. “Você foi cruel e me deixou mergulhado na cachaça, mas agora eu vou voltar e fazer pirraça, diz um trecho da letra. E quem é que nunca fez ou pensou assim? É a voz do povão, oras!”, brinca Solimões.

VEJA TAMBÉM: Zé Neto e Cristiano lançam “Enchendo e Derramando”

O EP também conta com o single “Beleza Então”. Sertanejo batidão dos bons! Com vozeirão de Rionegro logo no começo, a moda gruda na cabeça e na primeira ouvida a gente já sai cantando a música. A letra foi composta por Rionegro, Luiz Akal, Israel Alves, Alcebias Flausino, Compadre Cade e Chico Amaral. “Abre a porta da gaiola e deixe o passarinho voar. Cadê a camisa laranja pra eu por nessa mala pra junto com a saudade me acompanhar”, conta a letra. “Essa com certeza não faltará no show”, avisa Rionegro.

Novidades no novo EP

Rionegro & Solimões não param de inovar. Diferentemente de outros artistas sertanejos, eles jogaram na mão do público a escolha do primeiro single deste novo trabalho que será tocado nas rádios de todo o Brasil. “Faremos uma enquete nos stories do nosso instagram oficial @rionegroesolimoes e a mais votada, entrará nas rádios de todo o Brasil. Fiquem ligados nessa ação, galera”, convoca Solimões.

VEJA TAMBÉM: Ouça os maiores sucessos da música sertaneja no Spotify

Nestes 30 anos dedicadas à música, Rionegro & Solimões subiram no palco mais de 6.000 vezes, lançaram 19 CDs e 4 DVDs, venderam mais de 13 milhões de cópias e bateram recorde de público em festas de peão. Como reconhecimento, receberam dezenas de discos de ouro, prata, platina e platina dupla. Alguns de seus sucessos fizeram parte da trilha sonora das novelas Laços de Família (“Peão Apaixonado”, 2000), Cabocla (“Floresce”, 2004), América (“Na Sola da Bota”, 2005) e A Favorita (“Vida Louca, 2008).

Deixe uma resposta