Vídeo de Marília Mendonça dançando viraliza e emociona fãs

Voltou a circular nas redes sociais o vídeo aonde Marília Mendonça aparece dançando ao lado do irmão João Gustavo dias antes do acidente que tirou sua vida

O vídeo de Marília Mendonça dançando ao lado do seu irmão voltou a movimentar as redes sociais esta semana. No vídeo João Gustavo e Marília aparecem dançando a música “Não pode se apaixonar”, de Xandy Avião, Mc Dani e Ivis que acabou viralizando no Tik Tok em 2021.

Espero que você não fique brava comigo, a gente era foda juntos”,escreveu João Gustavo. Logo após o post, o vídeo viralizou nas redes sociais e foi compartilhado por diversas páginas e sites de entretenimento. O vídeo acabou trazendo um sentimento de saudade para quem gostava de Marília Mendonça.

Marília Mendonça bate novo recorde nas plataformas de streaming

PATROCINADO

No último sábado completou três meses desde o trágico acidente que tirou a vida de Marília Mendonça, além de seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e copiloto do avião. Apesar da trágica situação, a sertaneja continua sendo a artista feminina mais ouvida do país, mostrando o motivo pelo qual foi consagrada como a eterna rainha da sofrência.

Após o acidente, o Instagram oficial da cantora ultrapassou a marca de 40 milhões seguidores e a sertaneja ultrapassou a britânica Adele, consagrando os 20 primeiros lugares no Top 200 do Spotify. Na sequência a artista emplacou 74 músicas no ranking da plataforma, já que muitos ainda não conseguiam acreditar em sua morte repentina.

Atualmente, a intérprete de ‘Esqueça-me Se For Capaz‘ continua sendo a artista feminina mais ouvida nas plataformas de streaming do Brasil. Nas rádios a situação não é diferente, visto que diversas músicas de seu último trabalho continuam sendo trabalhadas por sua gravadora.

Nos últimos dias, a cantora sertaneja ultrapassou a marca de mais de 100 milhões de visualizações em 60 músicas suas que estão no YouTube. Desta forma a cantora, que é dona da maior live do mundo, passa a ser a 3ª colocada no ranking mundial da plataforma de vídeos.

O acidente que matou Marília Mendonça ainda é investigado

Investigações sobre a morte de Marília Mendonça continuam (Foto: Reprodução TV Globo)
Investigações sobre a morte de Marília Mendonça continuam (Foto: Reprodução TV Globo)

O acidente aéreo que vitimou a cantora Marília Mendonça e mais quatro pessoas em novembro do ano passado completou três meses no último sábado (5). Desde então, as autoridades investigam o que fez com que a aeronave de matrícula PT-ONJ caísse e como evitar acidentes semelhantes ao que ocorreu em Caratinga.

O relatório preliminar disponibilizado pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) diz que as investigações estão em andamento e que a aeronave, durante fase de aproximação para o pouso, colidiu contra uma linha de distribuição de energia da Cemig. Entretanto, o próprio relatório ressalta que as análises das informações coletadas e os fatores contribuintes estão sujeitas a modificações conforme o andamento dos trabalhos de investigação.

Um cabo chegou a ser encontrado em uma das hélices do avião. Desde o acidente, a aeronave não está liberada em relação à apuração dos fatos.

Por meio de nota, o Cenipa informou que o objetivo das investigações realizadas pelo órgão é prevenir que novos acidentes com características semelhantes ocorram. “A conclusão das investigações terá o menor prazo possível, dependendo sempre da complexidade de cada ocorrência e, ainda, da necessidade de descobrir todos os fatores contribuintes“, pontuou.
A Polícia Civil também foi procurada pela reportagem, mas não respondeu. Em dezembro, os policiais que atuam no caso deram uma entrevista coletiva em que apontaram duas principais linhas de investigação. A princinpal linha é a da colisão com a linha de transmissão. Outra vertente avaliada pela polícia é um possível problema técnico do avião, que poderia motivar a perda de altura repentina.