João Bosco se casa em festa luxuosa e noiva surpreende durante entrada; saiba como foi

Noiva de João Bosco entra no altar a cavalo e tem casamento com vários famosos presentes

No fim da tarde da última terça-feira (04), o cantor João Bosco e a advogada Monique Moura se casaram durante uma festa luxuosa em Belo Horizonte, Minas Gerais. Para quem não sabe, eles estavam noivos desde janeiro de 2021.

A noiva chegou na cerimônia de forma surpreendente. Ela surgiu montada em um cavalo preto ao som da clássica Marcha Nupcial, de Mendelssohn, com seu enorme vestido branco, véu e grinalda. Posteriormente, ela fez a tradicional entrada até o altar junto com a companhia do pai.

A celebração com vários convidados famosos do meio sertanejo. Fernando Zor, César Menotti, Rodolffo, Mariano e Jakelyne Oliveira foram algumas das celebridades que estiveram no casamento.

O casamento de João Bosco contou ainda com uma decoração luxuosa. Eles escolheram o Espaço Província para realizar a cerimônia, que estava decorada com vários objetos em marrom, flores e um lustre de cristais gigante.

Leia também:

PATROCINADO

Dupla perde mais de R$ 1 milhão e caso vai parar na Justiça

Dupla João Bosco e Vinícius (Foto: Divulgação)
Dupla João Bosco e Vinícius (Foto: Divulgação)

Vale lembrar que Movimento Country teve acesso a um processo envolvendo a empresa S4 Produções Artísticas, dos sertanejos João Bosco e Vinícius, que fizeram um show inesquecível na Festa do Peão de Barretos 2022. Eles buscavam, desde agosto de 2012, solucionar um problema relacionado ao pagamento de um imposto sobre serviços de qualquer natureza [ISSQN].

De acordo com a ação, até que houvesse uma decisão final da Justiça, João Bosco e Vinícius estavam repassando à um profissional altas quantias em dinheiro, que deveriam ser depositadas judicialmente nos autos daquele processo, tendo em vista que os músicos estavam discutindo na Justiça a legalidade da cobrança daquele imposto.

Mas, segundo os sertanejos explicam à Justiça, após algum tempo descobriram que nada havia sido depositado pelo advogado na tal conta judicial, entendo que foram vítimas de um “golpe”. O valor repassado pelos famosos chega próximo à R$ 1.168.720,19, mas eles descobriram junto à prefeitura que um dos débitos [CDA] passava de R$ 704 mil, já outro, estava em R$ 241.998,50.

Segundo o processo, os cantores souberam, em abril de 2015, que o profissional responsável por receber os valores e não realizar os depósitos judiciais havia cometido suicídio. O valor atualizado do prejuízo chegaria à R$ 1.676,166,43.

João Bosco e Vinícius são responsáveis pela S4 Produções Artísticas e, por meio da empresa, acionaram um outro profissional que, segundo eles, atuava no mesmo escritório, visando reaver os valores. Mas o caso virou um outro processo, só que desta vez contra os sertanejos.