Por que Paula Fernandes e Leonardo estão afastados? Cantora diz real motivo: “Aconteceu muita coisa”

Paula Fernandes decide abrir o jogo sobre afastamento do cantor Leonardo em entrevista com jornalista Leo Dias

Paula Fernandes anunciou sua saída da Talismã há cerca de 10 anos, a gravadora própria de Leonardo. Após não falar abertamente por uma década, a comentou sobre o assunto para Leo Dias.

Durante uma entrevista dada ao colunista do Metrópoles, divulgada no YouTube, a artista declarou que não existe polêmica no assunto, apesar de não ter visto mais Leonardo desde a saída da empresa. “Para mim, é uma página virada. É bem superado”, disse.

Sobre uma possível inimizade com o sertanejo, Paula Fernandes negou qualquer atrito. Contudo, expôs que eles também não são amigos. “Muita gente diz que eu briguei com o Leonardo. Não [aconteceu]. Nunca nem conversei com o Leonardo sobre isso. O escritório era dele, mas não tem nada a ver com ele. Eu só era uma artista do casting”, disparou.

“Você sabe que não estão cumprindo as coisas – e aconteceu muita coisa burocrática. A mídia superdimensionou um negócio que estava acontecendo lá dentro com a gente e não era para ser exposto. Foram 4 anos inteiros [de contrato] e eu cumpri. Eu entrei, fiz o que tinha que fazer, depois, saí”, acrescentou a cantora, que deixou a empresa em 2012.

Não são todas as parcerias que dão certo. Eles tinham uma filosofia que não se adequava ao meu perfil”, admitiu a cantora, afastando rumores de motivos pessoais.

Leia também:

Cantora fala se houve reencontro após fim de parceria

Paula Fernandes (Foto: Reprodução Instagram)
Paula Fernandes (Foto: Reprodução Instagram)

O jornalista também questionou se, após o término do contrato, Paula Fernandes já foi se encontrar com Leonardo. Embora participem do mesmo gênero musical, os dois nunca mais se viram um do lado outro, como a própria cantora disse.

“Acho que não teve o encontro pessoalmente. Mas não há nada contra. Eu admiro muito o trabalho dele. A primeira música que cantei na vida foi do Leonardo. […] Nunca existiu uma briga entre nós, existiu uma quebra contratual, contou Paula Fernandes.